Agenda da BE | Janeiro

Anúncios

Lendo!


Clica na imagem!

O Clube de Leitura já começou!

Começaram hoje as aventuras do Clube de Leitura!

Vamos falar-vos um pouco do início do livro “Missão Impossível” de Ana Maria Magalhães e Isabel Alçada.

Tudo começou durante as férias de um menino chamado Rodrigo que estava a passar em Freixo de Espada à Cinta, no  Norte de Portugal. Por causa de uma enorme tempestade, a luz falhou e então ele, que não podia usar o computador porque este estava sem bateria, ficou desesperado e deixou-se cair num sofá da biblioteca. Repentinamente, as letras de um livro de lombada grossa que estava numa prateleira muito alta começaram a cair sobre o tapete e brilharam com muita intensidade devido aos relâmpagos!

Se clicares na capa do livro poderás ler o e-book, mas podes sempre requisitá-lo na s bibliotecas escolares do nosso Agrupamento de Escolas!

Até para a semana!

Aluna do 5.º ano

Bom Ano de 2018! | Receita de Ano Novo

RECEITA DE ANO NOVO
Para você ganhar belíssimo Ano Novo
cor do arco-íris, ou da cor da sua paz,
Ano Novo sem comparação com todo o tempo já vivido
(mal vivido talvez ou sem sentido)
para você ganhar um ano
não apenas pintado de novo, remendado às carreiras,
mas novo nas sementinhas do vir-a-ser;
novo até no coração das coisas menos percebidas
(a começar pelo seu interior)
novo, espontâneo, que de tão perfeito nem se nota,
mas com ele se come, se passeia,
se ama, se compreende, se trabalha,
você não precisa beber champanha ou qualquer outra birita,
não precisa expedir nem receber mensagens
(planta recebe mensagens?
passa telegramas?)
Não precisa
fazer lista de boas intenções
para arquivá-las na gaveta.
Não precisa chorar arrependido
pelas besteiras consumidas
nem parvamente acreditar
que por decreto de esperança
a partir de janeiro as coisas mudem
e seja tudo claridade, recompensa,
justiça entre os homens e as nações,
liberdade com cheiro e gosto de pão matinal,
direitos respeitados, começando
pelo direito augusto de viver.
Para ganhar um Ano Novo
que mereça este nome,
você, meu caro, tem de merecê-lo,
tem de fazê-lo novo, eu sei que não é fácil,
mas tente, experimente, consciente.
É dentro de você que o Ano Novo
cochila e espera desde sempre.
Carlos Drummond de Andrade

Concurso Postal de Natal 2017 | Vamos viver o Natal | Boas Festas!

No dia 4 de Dezembro, o júri do Grupo de Trabalho Concelhio reuniu e selecionou um total de 16 trabalhos de vários ciclos de ensino, dando a conhecer os vencedores do Concurso “Vamos viver o Natal”, realizado no âmbito da Rede de Bibliotecas de Coimbra/SABE.

Foram selecionados seis postais do nosso agrupamento de escolas e a nossa autarquia já os fez viajar com votos de Boas Festas!

A Biblioteca agradece a participação, a imaginação, a criatividade e o entusiasmo dos alunos dos 1.º, 2.º e 3.º Ciclos do nosso Agrupamento de Escolas e todo o empenho e colaboração dos professores envolvidos neste concurso!

Vamos conhecer estes seis belos postais?

Feliz Natal e boas leituras!

1.º Ciclo | EB 1 Areeiro
Os sapatos do Pai Natal de José Fanha

1.º Ciclo | EB 1 Norton de Matos

O Natal do anjo cego in Por ser Natal de João Manuel Ribeiro

2.º Ciclo | EB 2,3 Ceira

Sou um pinheiro vulgar in O livro de Natal de Maria Alberta Menéres

3.º Ciclo | EB 2,3 Alice Gouveia

Romanceiro de Natal de João Manuel Ribeiro e Vergílio Alberto Vieira

3.º Ciclo | EB 2,3 Ceira

A casa de cedro de Vergílio Alberto Vieira

3.º Ciclo | EB 2,3 Ceira

Romanceiro de Natal de João Manuel Ribeiro e Vergílio Alberto Vieira

25+12+17=54 Palavras para contar “O que é para mim o Natal?” | 2.º e 3.º Ciclos | EE | Professores

Leiam agora os textos maravilhosos criados pelos alunos dos 2.º e 3.º ciclos das EB 2,3 Alice Gouveia e EB 2,3 Ceira, pelos professores e pelos Encarregados de Educação, em resposta ao segundo desafio de escrita!

A Biblioteca Escolar deseja a todos boas leituras, com os votos de Festas Felizes!

 

25+12+17=54 palavras para contar – O que é para mim o Natal?

Alunos

EB 2,3 Alice Gouveia

2.º Ciclo

Toda a gente merece natal

Há um ano não sabia o que era natal, mas este ano deram-me amor. Há uns dias a minha irmã Flor, chamou-me e disse:
-“Anda fazer biscoitos da vovó para a partilha.”
-.Ela é real?-perguntei.
– Sim e está mortinha por te conhecer!
-Não te vais esquecer deste natal.

Querido Barbudo Pai Natal

Eu sou a Lara,
sempre te quis conhecer.
Eu sou a Sara,
sempre quis um mundo lindo para viver.

Nós somos amigas.
Cá entre nós há partilha,
e amor.
O nosso mundo é uma maravilha.

Falta apenas uma coisinha,
bem pequenininha:
Trabalhos de casa já feitos.
Com amor:
Sara, Lara.

O meu novo lar

Eu não sei o que é
Aquela época especial
Em que todos trocam presentes
Acho que se chama Natal

Aquela partilha de alegria
Aquela partilha de amor
Já me cheira a bolinhos
Cheios de sabor

Repararam em mim
Perguntaram: Queres entrar?
Então entrei
E aquele era o meu novo lar

O Natal

O Natal é amor,
partilha e calor.
Sabor e diversão,
tudo junto no coração.

Todos juntos na lareira
celebrando a magia,
com o avô na cadeira
é sempre uma alegria!

Com um presente na mão,
abraçando o mais próximo.
Sentindo a paixão,
cantando uma canção.

O Natal é amor,
partilha e calor.

3.º Ciclo

O que é para mim o Natal

Natal é para mim a partilha de amor em família e com os amigos.
Tempo em que os pobres recebem mais apoios materiais e carinho. Onde a alegria é mais contagiante.
Quando se juntam em nossa casa, os meus três irmãos, os meus Pais, as primas, o tio, com a única avó que tenho.

Encarregado de Educação e aluno

O que é para mim o Natal

Para mim, o Natal é a partilha das prendas e a reunião da família. Faz-se o presépio e a árvore de Natal que é esplêndida, verdejante com a suas luzes cintilantes e bolas de diversas cores, e as fitas brilhantes.
Depois da Missa do Galo regressamos a casa para abrir as prendas com amor.

Uma mensagem de Natal

Com este poema queremos
A todos desejar
Um Feliz Natal
E um bom ano
Que está prestes a começar!

Para nós esta época
É de amor,
Adequada para estar com a família
Grande símbolo de partilha

Devemos todos saber
Que independentemente
Das crenças de cada um
O Natal é para ser vivido alegremente …

EB 2,3 Ceira

3.º Ciclo

De noite, calmamente,
Ia Maria com José,
Alegre na Maternidade.

Depois, já cansada de tanto andar,
Encontrou uma pequena cabana abandonada e aí ficou.

Nada levava, nada tinha,
A não ser o seu divino filho,
Tinha, pois, tudo para dar ao mundo,
Amor, paz e alegria para partilhar.
Luz brilhante para iluminar os homens

De noite, calmamente,
Ia Maria com José,
Alegre na Maternidade.

Depois, já cansada de tanto andar,
Encontrou uma pequena cabana abandonada e aí ficou.

Nada levava, nada tinha,
A não ser o seu divino filho,
Tinha, pois, tudo para dar ao mundo,
Amor, paz e alegria para partilhar.
Luz brilhante para iluminar os homens.

Dia 25, nascimento de Jesus,
Imagem divina,
A família repleta de amor verdadeiro.

De noite, frio intenso.
Estrelas cintilantes aquecem o nosso coração.

Na manhã de Natal, paira o silêncio, na natureza.
As guerras terminaram.
Todos dão as mãos.
A paz, a alegria e a partilha retornam.
Lágrimas de felicidade invadem os nossos olhares.

Professores

O que é para mim o Natal?

O Natal é limpar as lágrimas dolorosas dos acamados. É percorrer caminhos para sarar as feridas dos hospitalizados. É abrir as portas para acolher os exilados e é visitar com amor os prisioneiros. O Natal é a partilha fraterna com os sem-abrigo e é ter sempre, nas profundezas de mim, o Deus menino, pequenino…

[O QUE É PARA MIM O NATAL (em 54 palavras)]

O Natal é o laço de afeto com os doridos da vida. São as lágrimas tremeluzentes de quem nada tem.
O Natal é a criança que existe em nós e ajuda a adocicar os momentos inenarráveis da vida. O Natal é onde cabe um sorriso triste que quer (re)viver o nascimento do Menino Jesus.

[Natal em 54 palavras]

É Natal, momento mágico recordado nos presépios das aldeias e cidades: nascimento do Menino Jesus.
Em criança era o meu natal feito de inocência, amor e partilha.
Cresci.
A sociedade de consumo transformou-o num homem de barbas brancas e de vestes encarnadas:
Denominado Pai Natal.
Sem o Deus Menino acabou para sempre o Natal.

Dezembro,
vinte e quatro,
noite fria.
Passadas cansadas,
dores de parto.
Lar distante…
Então,
do céu,
uma nuvem caiu,
abraçou Maria.
Uma estrela,
com um raio de luz,
beijou Jesus,
aqueceu-o com amor.

Noite de Natal,
noites de todo o ano,
desçam estrelas, nuvens de algodão,
aconcheguem todos os Meninos
sem abrigo, sem pão!

 

Há tantas luzes de cores
Dizem que é o tempo
De magia, de presentes
Como se o coração
Só palpitasse nestes dias
No calendário restante
A alma esquece
Que é preciso renascer
Em cada segundo
E abraçar com calor
E a toda a hora
Os olhares que navegam em cada rua…

25+12+17=54 Palavras para contar “O que é para mim o Natal?” | 1.º Ciclo

globe-2877171__340

Leiam estes textos maravilhosos criados pelos alunos do 1.º ciclo (2.º ano – EB1 Areeiro; 3.º e 4.º anos da EB1 Norton de Matos e 4.º ano da EB1 Quinta das Flores), respondendo ao segundo desafio de escrita, com os votos de Boas Festas!

“O que é para mim o Natal?”

EB1 Areeiro

Somos vinte e quatro corações pequeninos que adoram o NATAL e que acreditam que ele é um transformador de pessoas. A culpa é do AMOR e da sua amiga PARTILHA que ao darem as mãos libertam carinho. Quando aquecemos o coração dos outros, os olhos brilham e as estrelas iluminam o mundo… é Natal!

EB1 Norton de Matos

O Natal é uma festa onde existe amor e partilha. As famílias juntam-se para o comemorar. No Natal costuma-se comer peru, batatas com couves e bacalhau, polvo e muitos doces, como por exemplo: rabanadas, filhoses…
No Natal, as pessoas partilham diversos presentes. Nesta quadra natalícia adoro receber prendas.
Desejo um Feliz Natal a todos.

 

O Natal, para mim, é a melhor coisa do mundo. O Natal é tempo de partilha, amizade, amor e paz. Eu costumo festejar o Natal com a minha família. Eu gosto de comer doces de Natal e bacalhau. Adoro fazer o presépio e a árvore de Natal.
Nesta época sinto-me feliz, porque recebo presentes.

 

Para mim, o Natal é a comemoração mais linda do ano. Festeja-se o nascimento do Menino Jesus. No Natal as famílias reúnem-se, há mais amor, partilha e troca de prendas. É efetivamente magnífico! No Natal, costumo receber presentes e divirto-me bastante com a minha família. As decorações são bonitas.
Isto é um extravagante Natal.

 

Para mim, o Natal é a comemoração do nascimento de Jesus.
As famílias juntam-se e fazem uma ceia onde, normalmente, comem cabrito, bacalhau, peru e muitos doces. As casas enchem-se de cor, de vida e de amor. Há partilha de presentes. As árvores de Natal cintilam como grupos de estrelas encantadas.
Adoro esta festa!

 

O Natal, para mim, é estarmos todos juntos em família, com amor e carinho. É um momento de partilha com a família, os amigos e as pessoas que precisam de ajuda.
O Natal é o nascimento do Menino Jesus e, o mais importante é o amor, a paz e a ternura que nos une.

 

O Natal, para mim, é uma época em que todos festejam o nascimento do Menino Jesus. Também se fazem os presépios e enfeitam-se as árvores de Natal. O Pai Natal dá presentes a todos.
Este ano, estava a pensar em dar algumas roupas, brinquedos e comida aos pobres.
Desejo, a todos, um Feliz Natal!

 

O Natal, para mim, significa o nascimento do Menino Jesus. Também é partilha de brinquedos, comida e presentes. No Natal há muito amor e felicidade.
O Pai Natal põe as prendas debaixo da árvore de Natal. Eu acho que o Pai Natal é o nosso pai.
No Natal cai neve.
Eu adoro o Natal!

 

Já cheira a Natal!
Este ano, em casa, vamos vestir a nossa árvore de Natal de branco para comemorar o nascimento do Menino Jesus.
Para mim, o Natal significa família, partilha do amor, da alegria e troca de prendas.
Nesta época natalícia recebo presentes, como muitos doces e estou de férias!
Adoro o Natal!

 

Gosto muito do Natal. É uma época muito especial, porque recebo presentes. Adoro ajudar a minha mãe a enfeitar a árvore.
Nesta quadra, as pessoas gostam muito da partilha que fazem umas com as outras.
No Natal parece haver mais amor. É pena que este espírito natalício não se mantenha durante todo o ano.

 

O amor e a partilha são os sentimentos mais bonitos do mundo. Ao partilhá-los dão-nos uma sensação de leveza, os melhores presentes de sempre, quando se aproxima o Natal.
Nota-se que as pessoas andam mais atarefadas a escolher as prendas para quem mais amam, os preparativos para a ceia e as decorações.
É Natal!
O Natal, para mim, é um dia normal. Eu e a minha família não comemoramos esta festividade. Ninguém sabe o dia exato em que Jesus nasceu.
O que nós celebramos é a Santa Ceia, porque foi o que o Senhor Jesus disse para fazer em sua memória.
No Natal há mais amor e partilha.

 

O Natal é a comemoração do nascimento de Jesus. Nesta altura, as famílias reúnem-se à mesa para a ceia e há entrega de presentes.
No Natal há amor pelo ar, compreensão e sentimentos de alegria.
As ruas das cidades estão muito iluminadas e decoradas com muitos enfeites.
Nesta festa também há partilha de presentes.

 

O Natal, para mim, é o nascimento de Jesus. É quando a família se junta e é uma partilha de felicidade. No Natal a ceia é feita com muito amor. É uma diversão. Há meia- noite, os presentes estão à espera que os abram com toda a alegria e felicidade.
Adoro muito o Natal!

 

Para mim, o Natal é uma festa, que todos nós celebramos em família.
No Natal há amor, carinho, partilha, comida e muitas mais coisas.
Nesta altura, vejo muita gente a ajudar mendigos e a distribuir felicidade pelas ruas.
É na estação do inverno que se celebra o Natal.
A noite de Natal é fantástica!

 

O Natal é tempo de celebrar o nascimento de Jesus. A família reúne-se e há muita alegria e amor. As crianças estão sempre ansiosas que chegue a noite de 24 para 25 de Dezembro, para fazerem a partilha de presentes que o Pai Natal ou o Menino Jesus trouxeram.
Eu gosto muito do Natal!

 

Eu cheguei a casa e vi uma mesa com sonhos, bombons e bolo-rei.
Fui provar um sonho. Estava um amor.
– O pai chegou?- perguntou a minha mãe.
-Sim, o pai já chegou.
-Vamos preparar a mesa para jantar!
-Está bem!
-O jantar está uma delícia!
-Mãe partilha comigo esse doce.
-Eu adoro o Natal!

 

O Natal é a melhor festa do mundo porque recebemos presentes e estamos com a família. A minha mãe diz que o Natal significa partilha, amor e amizade. Ela ralha comigo por não partilhar os meus brinquedos com as minhas amigas.
Agora, que entendi o verdadeiro significado do Natal, vou deixar de ser egoísta.

 

Para mim, o Natal é um dia muito especial. Com ele vem a chegada dos presentes e, claro, do Pai Natal. Nesta época Natalícia existe muito amor e também muita partilha.
No dia de Natal, à noite, fazemos um jantar especial para comemorar este dia animado. Dezembro é o meu mês do ano preferido!

 

O Natal, para mim, significa amor. A minha mãe faz quase sempre bolachas e partilha-as com todos os meus familiares.
O Natal é uma época em que o Pai Natal desce pela chaminé e deixa lembranças.
Na minha opinião, Natal também é partilha porque ao partilharmos a ceia estamos de coração cheio de felicidade.

 

Para mim, o Natal é uma celebração importante em que se comemorar o nascimento de Jesus, que se chama Emanuel.
As famílias reúnem-se no dia 24 de dezembro para cearem alguns pratos típicos como peru, bacalhau…
Esta é a festa da família, das crianças e da partilha dos sentimentos de amor, alegria e compreensão.

 

No Natal celebra-se o nascimento do Menino Jesus. Passamos mais tempo com a nossa família, recebemos mais amor e fazemos a partilha dos presentes. No Natal o mais importante é a família e os amigos.
Na noite de Natal a família reúne-se à mesa para jantar e para conviver.
Eu gosto muito do Natal!

 

Para mim, o Natal significa estar com a família para partilharmos momentos de muita felicidade. No Natal, a família partilha muito amor. Há troca de presentes. Na ceia comemos batatas com couves e bacalhau, peru, rabanadas, filhoses, sonhos, bolo-rei…
No Natal foi quando o Menino Jesus nasceu e é por isso que é Natal.

 

EB1 Quinta das Flores

A lenda do Natal era verdadeira. Ou apenas uma brincadeira.
Uma noite de bom luar, presentes e amor irão voar,
Dias e dias a esperar, para a festa finalmente chegar.
A partilha faz da emoção, um poder feito pelo coração.
Para que tudo corra bem, a lenda existe para ajudar.
O Natal vamos esperar!

 

O livro mágico.
O livro era incrível, cheio de magia e segredos, como ter um Natal perfeito, sem tempo e dinheiro, irá correr bem de certeza.
A magia acentuava o amor e a partilha, a companhia e a sua própria magia.
Todos os dias, um segredo irá contar.
Se estiveres triste, ele irá ajudar.

O Natal é:

Pai Natal,
Pólo Norte,
Renas, trenó, chaminé,
Anjos, estrela, reis magos, presépios,
Árvore de natal,
Sinos, bolas de Natal,
Homem biscoito,
Flocos de neve,
Meias, frio,
Carinho, coração,
São prendas
E embrulhos por todo o lado,
Frango, filhoses, bolos, doces.
É estar com a família,
São amigos,
Carinho
Partilha,
E amor!

 

Para mim o Natal é Jesus!
É a luz que ilumina o mundo inteiro!
É um momento especial com a família.
O Natal é carinho,
É partilha!
É o amor que temos dentro de nós!
É festa,
É alegria,
É paz,
É a música que encanta,
É uma pequena casa enfeitada
Cheia de amor!

 

Na noite anterior ao Natal, a Inês decorou a árvore de Natal com fitas, bolas, luzes anjinhos e a estrela no topo. De repente, lembrou-se que Natal era sinal de partilha e amor. Então decidiu convidar a vizinha, que era muito pobre, para o jantar de Natal. Com certeza, foi uma noite muito especial!

 

Natal é magia!
O Natal somos nós,
luz, cor e alegria,
juntos, a nossa voz.

São doces e sabores,
pessoas e abraços,
pequenos gestos de amor,
presentes abertos, eternos laços.

É nos dias de Inverno,
o aconchego do lar,
os vidros embaciados, eu à janela,
o calor da lareira, o receber e o dar.

 

Para mim o NATAL é,
o afeto da família.
Gosto de ver as pessoas
a montar o presépio,
e na árvore de natal
colocar bolas
fitas, sinos, anjos
e a estrela.
Gosto do cheirinho
do azevinho,
do aroma das sobremesas,
De dar presentes
Com ternura
carinho e amor.
O NATAL para mim é partilha.

 

Uma menina chamada Elisa não recebia prendas no Natal e tinha poucos brinquedos. Para ela, o Natal não era um bom dia. Na sua casa não havia amor nem partilha.
Ela só estudava matemática. Cada ano teria de suportar os seus colegas indiferentes. Naquele Natal houve alguém que lhe deu uma prenda, um livro.

 

O Natal para mim é amor e partilha.
Há crianças que não comemoram o Natal, porque andam sempre a fugir da guerra. Essas crianças nunca tiveram presentes e não comemoram o Natal com os pais, pois alguns já morreram.
No Natal festejamos o nascimento do Menino Jesus e é uma festa especial da família.

 

Numa tarde de inverno, uma menina chamada Matilde estava a preparar com amor a árvore de Natal. Quando chegaram os primos e os tios, a menina deu-lhes, a cada um, um chocolate.
À noite, depois de acenderam as luzes da árvore de Natal, chegou a hora da partilha, a hora de abrir os presentes!

 

O Natal, para mim, é sinónimo de amor. Na realidade, quando alguém fala sobre o Natal, a primeira coisa que penso é quando estou com a minha família a abrir presentes.
O Natal também pode significar uma grande partilha de prendas com os familiares, onde se faz um grande banquete e todos convivem alegres.

 

Uma menina chamada Maria, disfrutava do amor e da partilha que a sua família lhe dava.
O Pai Natal perdeu-se no caminho para casa de Maria, então só lhe restava esperar.
O velhote alegre, sempre positivo, encontrou uma bússola mágica que poderia guiá-lo.
O próprio finalmente chegou e disfrutou da amizade entre a família.

 

Para mim Natal é família. É a distribuição dos presentes a cada um, como se fosse um ato de carinho e ternurento.
Mas, o Natal pode ser ansiedade e preocupação, pois há pessoas que não o festejam e crianças que nunca receberam afeto.
Natal é amor, partilha e crianças felizes.
É paz no mundo!

 

 

%d bloggers like this: