A palavra mais amiga

A palavra mais amiga,

Para mim, é sempre “Mãe”

E, por mais que bem a diga,

Sei que nunca a digo bem!

 

Paulo Ilharco

in “Transgressão: Poemas Ao Ocaso” (1997, 64)

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: