14 de maio de 2019 | Encontro com o escritor e apicultor Paulo Santos | EB 2,3 Ceira

Decorreu hoje, na Biblioteca Escolar da EB 2,3 de Ceira mais uma Palestra com o escritor e apicultor Paulo Santos que foi saudado pelo Subdiretor Ricardo Dias.

Foi uma manhã com aprendizagens muito importantes sobre as abelhas : a sua morfologia, o seu ciclo de vida, a estrutura organizacional de uma colmeia, as diferentes funções que cada uma delas desenvolve para produzirem o mel, entre outros assuntos relacionados com esta temática, envolvendo também três personagens da coleção “As aventuras de Cuscas”, mais precisamente a Cuscas, a Carlota e o Vasco! Os alunos do 2.º Ciclo, os professores e elementos do COJ presentes, viram vídeos e imagens e o exemplo de países que procuram preservar e melhorar a vida das abelhas. França é um dos melhores exemplos desta tarefa tão importante de salvar as abelhas, porque sem elas a vida não é possível.

 

Albert Einstein (Alemanha – 14 de março de 1879 – EUA, 18 de abril de 1955) afirmou “Se as abelhas desaparecerem da face da terra, a humanidade terá apenas mais quatro anos de existência. sem abelhas não há polinização, não há reprodução da flora, sem flora não há animais, sem animais não haverá raça humana.”
Trata-se de um verdadeiro alerta e temos, todos nós, de contribuir para esta causa maior, tendo um comportamento adequado para salvarmos as abelhas.

E sim, temos de agradecer, todos os dias, às abelhas, pelo seu trabalho generoso e laborioso, e ao escritor, apicultor e grande comunicador Paulo Santos que tomou esta causa como uma missão prioritária, feita de experiência e de paixão, demonstrando a todos os presentes a importância das abelhas para a biodiversidade e o equilíbrio do nosso ecossistema e as ações que podemos fazer para que elas sejam defendidas e continuem a maravilhar-nos.

Os alunos participaram efusivamente, com muito interesse e entusiasmo e são os mensageiros destas boas práticas!

Já agora, se tiveres um vaso com flores na tua janela ou varanda, as abelhas agradecem!

 

Para receber o nosso convidado, os alunos realizaram trabalhos plásticos sobre este tema com a ajuda da família! Vamos ver?

25 de março a 1 de abril de 2019 | Workshop – Plasticologia Marinha | Oceanário de Lisboa | Parceria

#hojeleitoramanhaleitor

De 25 de março a 1 de abril vão decorrer, no Agrupamento de Escolas Coimbra Sul, 11 sessões do Workshop subordinados ao tema “Plasticologia Marinha”, no âmbito da parceria existente entre o Oceanário de Lisboa, a Fundação Oceano Azul e a Rede de Bibliotecas Escolares, numa organização e articulação entre a área disciplinar de Ciências Naturais e a Biblioteca Escolar e dirigidas aos alunos do 2.º Ciclo. Assim, de 25 a 28 de março, as sessões decorrerão na Biblioteca Escolar da EB 2,3 Alice Gouveia com a seguinte calendarização:

Segunda-feira, 25 de março

8:30 – 5E

10:15 – 6C

12:00 – 5B

Terça-feira 26 de março

8:30 – 6E

10:15 – 6A

12:00 – 6B

Quinta-feira, 28 de março

8:30 – 6D

10:15 – 5D

12:00 – 5A

No dia 1 de abril, já Biblioteca Escolar da EB 2,3 Ceira, decorrerão duas sessões:

Segunda-feira, 1 de abril

8:30 – 10:00 – 5AC
10:15 – 11:45 – 5BC

Com esta iniciativa “O Oceanário de Lisboa pretende contribuir para elevar a literacia dos oceanos, em Portugal, promovendo o conhecimento dos oceanos e a vontade de contribuir para a sua conservação, tendo como base os valores da sustentabilidade e da necessidade de proteger a biodiversidade marinha.”Esta atividade insere-se nas  Semanas da Leitura.

 

Eu♥BE | Dezembro | BE | 2.º e 3.º CEB | 2

E agora Vamos Viver o Natal com Postais de Natal, trabalhos de alunos, Pontos de Luz e Make a Wish!

Feliz Natal! Boas Festas são os desejos da Biblioteca Escolar! E sempre, sempre com boas leituras!

Maio de 1968 | Exposição comemorativa na BE de Ceira

Está patente na Biblioteca Escolar da EB 2,3 de Ceira uma exposição comemorativa dos 50 Anos de Maio de 1968. Os alunos dos 9.ºAC e 9.ºBC realizaram diferentes trabalhos de pesquisa no âmbito da disciplina de História onde se destaca o papel fundamental do Maio de 68, como é reconhecido e de todos os movimentos económicos, sociais e estudantis (liderado por Daniel Cohn-Bendît) que, em França e, particularmente em Paris, fizeram acreditar na utopia, no poder da juventude e no poder da poesia…num percurso em que a mudança de mentalidade estava na rua.

Visitem a exposição até dia 31 de maio!

 

Para saber +

Consultar Infopédia

Mai 68 expliqué en 1 minute

 

Do Dia Mundial do Livro | Concurso Nacional de Leitura

Do Dia Mundial do Livro – a celebração do Livro e da Leitura

O Dia Mundial do Livro – 23 de abril – também escolhido para a realização da Fase Concelhia do Concurso Nacional de Leitura de 2018.
Depois da realização das provas escritas, foram selecionados cinco finalistas dos 1º, 2º e 3º ciclos e três finalistas do ensino secundário  para as provas orais. O nosso AE teve cinco alunas que representaram os 1º, 2º e 3º ciclos nesta fase e quatro delas foram finalistas! Nos 2.º e 3.º ciclos tivemos uma representante da EB Alice Gouveia e da EB Alice Gouveia.

No 1.º ciclo uma aluna do 4.º ano da EB Quinta das Flores, chegou à fase final de leitura expressiva.
No 3.º ciclo, uma aluna da EB de Ceira realizou a prova escrita e uma aluna da EB Alice Gouveia foi uma das finalistas!
No 2.º ciclo, as alunas das duas escolas foram igualmente finalistas, tendo sido apurada  a aluna da EB Alice Gouveia para a Fase Regional /Intermunicipal, a realizar no próximo dia 24 de maio na Biblioteca Municipal de Penacova, a partir das 13 horas.

Parabéns a todas as participantes! Continuação de boas leituras!

27 de abril de 2018 | Encontro com o Escritor José António Franco! | BE da EB 2,3 de Ceira

 

O poeta José António Franco vem à BE da EB 2,3 de Ceira no dia 27 de abril para um Encontro com o Escritor, dirigido a todas as turmas dos 5.º  e 6.º anos, no âmbito da disciplina de Língua Portuguesa em articulação com a BE.

Vamos revisitar o nosso Escritor?

JOSÉ ANTÓNIO FRANCO, nasceu em Coimbra em 1951.

Licenciado em Filologia Germânica, professor de inglês; formador de professores, educadores e bibliotecários; poeta e ficcionista, tem-se dedicado à didáctica da poesia, trabalhando essencialmente com crianças e jovens dos Ensinos Básico e Secundário com quem partilha o prazer de ouvir e dizer o poema.

Bolseiro Fulbright (pela Comissão Cultural Luso-Americana), na State University of New York, College at Potsdam, 1979.

Galardoado no Prémio Alves Redol de Revelação de Conto, Vila Franca de Xira, 1990. Venceu o X Prémio de Conto Joaquim Namorado, Figueira da Foz, 1993.

Em 1997 foi galardoado pelo Instituto de Inovação Educacional no Concurso “Experiências Inovadoras no Ensino” pelo projecto A Poesia como Estratégia.

Em 2002 fundou “Os Jograis da Bonifrates”.

 

PUBLICAÇÕES DO AUTOR (além de textos dispersos em blogs, jornais e revistas nacionais, galegas e brasileiras)

POESIA

Véspera Tardia, poemas, Coimbra, 1986, assinado com o pseudónimo de António Simões;
Pedra Fecunda, poemas, Coimbra, 1987;
Paisagem sem Noite, poemas, colecção Poesia, Livraria Minerva, Coimbra, 1993;
Verso a Verso (PNL), Antologia Poética, com Textos de Luísa Ducla Soares, José Manuel Ribeiro, Vergílio Alberto Vieira, Amadeu Baptista, Nuno Higino e Francisco Duarte Mangas, ilustrações de João Concha, Editora Trinta Por Uma Linha, Porto, 2009;
Versos de Respirar (PNL), Calendário de Letras, 2009;
Rimas e Castanholas, Trinta Por Uma Linha, Porto, 2012;
Verso a Verso, Antologia Poética, tradução para o castelhano de Maria del Sol Peralta, Panamericana Editorial, Bogotá, Colômbia, 2013;
25 de Abril 40 Anos de Liberdade, Antologia, Trinta Por uma Linha, Porto, 2013;
Barricadas de Estrelas e de Luas, Antologia Poética no Centenário da Primeira Grande Guerra organizada por João Manuel Ribeiro, Tropelias e Companhia, Porto, 2013;
Pandeiretas, Cornetins e Rimas Assins (PNL), Trinta Por uma Linha, Porto, 2014;
Caderno Tolo de Versos sem Miolo, Livros do Corvo, Vila Nova da Barquinha, 2017;
Rimas e Castanholas (2ª edição), Livros do Corvo, Vila Nova da Barquinha, 2017, Versos de  Respirar, (2.ª edição), Livros do Corvo, Vila Nova da Barquinha, 2018;
Os Direitos da CriançaAntologia organizada por João Manuel Ribeiro, Trinta Por Uma Linha, Porto, 2018.

PROSA:

Histórias e Morais, Coimbra, 1992; “O Frigorífico”, in Contos Premiados, X Prémio Joaquim Namorado, Câmara Municipal da Figueira da Foz, 1996;
“Corpinteiro”, in Crónica Jornalística — Século XX, antologia organizada por Fernando Venâncio, Círculo de Leitores, 2004; Histórias e Morais, Pé de Página, Coimbra, 2005;
O Melro Envergonhado (PNL), Lápis de Memórias, Coimbra, 2011;
O Lobinho (PNL), Lápis de Memórias, Coimbra, 2016;

A Cegonha Maquinista, Livros do Corvo, Vila Nova da Barquinha, a sair brevemente.

ENSAIO

— “A poesia como estratégia”, in José António Franco et alExperiências Inovadoras no Ensino: inovação pedagógica, colecção Práticas Pedagógicas, nº 6, Instituto de Inovação Educacional, Lisboa, 1998;
A Poesia como Estratégia, Campo das Letras, colecção Campo da Educação, Porto, 19991;
A Poesia como Estratégia, Tropelias & Companhia, Porto, 2012 (obra de referência para a implementação do programa de Português do Ensino Básico).

%d bloggers like this: