Günter Grass, Prémio Nobel da Literatura em 1999 |Faleceu no dia 13 de abril de 2015

 

UMBil

O alemão Günter Grass, Prémio Nobel da Literatura em 1999, morreu no dia 13 de abril de 2015, aos 87 anos, em Lübeck, no norte da Alemanha. Günter Grass nasceu em Gdansk a 16 de outubro de 1927. Em 1956, lançou os primeiros livros de poesia e frequentou um curso de Artes Gráficas e Escultura em Düsseldorf. Para além da poesia, o escritor foi romancista, dramaturgo,  intelectual e artista plástico.

A obra O Tambor, publicada em 1959, valeu-lhe notoriedade internacional e tornou-se um clássico da literatura. Faz a crítica social e dos costumes da sociedade alemã, antes e depois da II Guerra Mundial.
Ao longo da sua vida, Günter recebeu os prémios Georg Büchner (1965), o mais importante da literatura alemã, um prémio da Sociedade Real de Literatura (1993) e mais recentemente uma distinção pelo Príncipe das Astúrias (1999).

Günter Grass colaborou recentemente como ilustrador do livro inédito de José Saramago “Alabardas, Alabardas, Espingardas, Espingardas” (Porto Editora), publicado em 2014.

O escritor alemão passava várias temporadas no Algarve, pois tinha uma habitação há cerca de 30 anos na freguesia da Mexilhoeira Grande, no interior do concelho de Portimão, onde se retirava frequentemente para escrever.

Günter Grass expunha ainda a sua obra como artista plástico no Centro Cultural de São Lourenço, em Almancil.

Fonte: http://www.jornaldoalgarve.pt/algarve-tambem-sente-a-partida-de-gunter-grass/

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: